Reunião da UPB com o Presidente do Senado
A União dos Policiais do Brasil (UPB) foi recebida em audiência na manhã desta terça-feira, 14,
pelo Senador Eunício Oliveira, Presidente do Senado.
1957
(Fotografia - Marcos Brandão)
A Entidade foi transmitir sua preocupação com o nefasto potencial de destruição do sistema de Segurança Pública enraizado na PEC 287, de 2016, encaminhada pelo Governo Federal ao Congresso Nacional em dezembro.
A proposta desconsidera peculiaridades inerentes a órgãos e profissionais do setor, que diuturnamente garantem a integridade física e patrimonial de todos os cidadãos, submetendo a risco suas próprias vidas, estando ou não em serviço, bem como conduz a uma incapacidade operativa das instituições pelo envelhecimento do corpo de seus profissionais.
"A atividade policial é, sem sombra de dúvidas, uma atividade insalubre, perigosa, geradora de imenso estresse, devido ao período de contínuo esforço físico e da exigência intermitente de acuidade e higidez mental e psicológica, razão pela qual a expectativa de vida de um policial é inferior a 60 anos, abaixo do restante da população", disse um dos representantes da UPB.
Na oportunidade, foi comunicado ao Senador que a Entidade busca tão somente um tratamento condizente com as reais condições de trabalho dos polícias e demais profissionais de segurança pública brasileiros, no que se refere à aposentação e demais regras previdenciárias, pela justa indenização a esses profissionais e contra o envelhecimento demasiado dos recursos humanos dessas instituições.
A ANSEF Nacional esteve representada pelo seu Presidente João Antunes Vasconcelos.
1956
(Fotografia - Marcos Brandão)